The Federal Trade Commission issued a decision, In re Amway Corp., in 1979 in which it indicated that multi-level marketing was not illegal per se in the United States. However, Amway was found guilty of price fixing (by effectively requiring "independent" distributors to sell at the same fixed price) and making exaggerated income claims.[47][48] The FTC advises that multi-level marketing organizations with greater incentives for recruitment than product sales are to be viewed skeptically. The FTC also warns that the practice of getting commissions from recruiting new members is outlawed in most states as "pyramiding".[49]
Buen artículo, pero se echan en falta explicaciones acerca de lo que se necesita para poder emitir una factura de venta, que es estar dado de alta en Hacienda y en la Seguridad. Y esto último, no es gratuito. Se pagan 50 € durante los 12 primeros meses en los que se puede ver si el negocio es viable o no. Pero luego la sangría aumenta hasta los más de 200 € mensuales. Así que eso de comenzar “sin dinero”…
Escrevi aqui no blog algumas Dicas de economia doméstica comprando produtos usados. Agora imagine você compartilhado com seus amigos e vizinhos as roupas e/ou produtos usados que possui e queira trocar ou vender. Estará assim ganhando dinheiro com isso além passar algumas horas agradáveis. Possuo esse costume de sempre procurar algo usado antes de comprar algo novo. Fui criado assim, e isso me ajuda muito a economizar dinheiro. Mas aqui estamos falando de ganhar dinheiro extra. Por isso vamos focar no negócio em si. Todo mundo tem alguma roupa ou calçado que não usa. Um equipamento eletrônico fora de moda, ou ainda um celular ou máquina fotográfica que queria se desfazer. Seja porque não gosta, ou porque não se usa mais, ou ainda porque está lhe incomodando. Se for porque não serve mais pra você, lembre-se que para outro alguém poderá ser útil. O que pensa sobre negociá-lo por um valor um pouco menor hoje, porém ainda com uma margem interessante de lucro? Um exemplo: meu irmão mais novo tinha uma coleção de joguinhos de vídeo game antigos. Tipo Atari. Nem existe mais, é da década de 1980. Enfim, resolveu vender todos. Mas ganhou mais dinheiro ainda quando descobriu que vendendo tudo separado, cada jogo para uma pessoa diferente, conseguiria mais dinheiro ainda… hehehehe. Negócios a parte, ganhamos dinheiro juntos. Bastou divulgar e esperar os telefonemas. Vendas garantidas, dinheiro no bolso.

O que você sabe fazer? Desenhar? Tocar algum instrumento musical? Manja de design gráfico? Lê cartas de tarô? Existem sites por aí onde você anunciar suas habilidades – mesmo as mais inusitadas – e colocá-las a venda. Tem gente, por exemplo, vendendo as habilidades que elas têm no piano: você escolhe uma música e a pessoa grava pra você. Tem gente que manja bastante de matemática e faz a sua lição de casa – ou te explica como resolver. Tem gente vendendo logos, flyers e outras peças de design gráfico. Até gente disposta a se vestir de Papai Noel e gravar uma mensagem para o seu filho pequeno você encontra por lá! Dos anúncios mais comuns até os mais bizarrinhos, você pode vender absolutamente qualquer coisa na internet.
Ela funciona de uma forma bem simples: você recomenda a algum amigo seu que use um chat no seu site. Se ele topar e se tornar cliente pagante da Jivo, você recebe para sempre 30% daquilo que ele pagar. O bom do Jivo é mesmo a sua recorrência. Você só precisa de recomendar uma vez e recebe para sempre, visto que ele paga uma mensalidade constante ao próprio JivoChat. Após trabalhar durante alguns meses com eles, me rendeu até agora quase 25 mil reais.
×